quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

2008 – Que ano foi esse?

Foi um ano ruim, muito ruim pra mim. Não pesquei nada e dizem que para o mundo ainda vem coisas piores nos próximos anos. Com certeza quero sim fazer do próximo algo mais aproveitável e com lembranças melhores que esse que passou.

Janeiro

Esperança, e por incrível que pareça da minha parte uma idéia tosca e furada de achar que janeiro era o começo de algo bom.



Fevereiro

Não consigo me lembrar de nada desse mês.

Março

culos, novo e roxo!Curti.
Inicio da depressão que se estenderia ora forte, ora média pelo ano inteiro.
Conflitos no grupo pagão, que desestabilizou muita gente, pessoas praticamente impossíveis de perder a cabeça.

Abril

Overdose de MIA, foi feia essa coisa toda mas consegui controlar[assim acho].
Nasce Delores. *orgulhosa*
Lista de coisas para o ano novo [pagão] que não cumpriu quase nada ainda por conta da depressão e do pânico. Ainda tem meio ano pela frente.

Maio

Êeee Ano Novo pagão! Mesmo só, celebrei a roda girando.
Crise de Pânico.

Junho

Depressão forte.
Julho
Aniversário do blog. Um ano com de lutas, vitórias e amizades lindas.
Volta da Dark! [mas agora está sumida di novo =(]

Agosto

Cinema, quase não saio de casa, e antes havia ido poucas vezes no cinema em minha vida toda. Meu irmão pagaaaando tá fechado! Vi Batman, nunca gostei de super heróis, e nunca fui com a cara do Batman, fui no cinema pelo Heath Ledger hihihi já que o meu bofe morreu fui ver o último filme dele na telona né? Amei e passei até gostar um pouquinho da história do Batman.


Setembro

Aniversário, mês que amo e acho perfeito ao mesmo tempo em que odeio. Nunca gostei de comemorar meu aniversário, talvez por me sentir muita mais velha do que os números de cada ano.Fui no cinema com meu irmão ver “Ensaio sobre a cegueira” gostei muito do filme, mas gosto infinitamente mais do livro.

Outubro

Depressão.Crises de pânico.

Novembro

Tristeza e depressão, dúvidas sobre assuntos antes tão bem certos e decididos. Cortes, agora reais e vermelhos.
Teve cinema também este mês, 007, não sou muito fã mas como não saio de casa, e gosto de filme de ação/agentes secretos fui.

Dezembro

Pânico, perda, decepção com muitas pessoas e comigo mesma principalmente.
Start para minha situação, minha cabeça e meus sentimentos.

Tudo isso serviu para quê? Fazer promessas e cumprir coisas que esse ano não deu? Todo mundo está cansado de saber que quando tem que fazer vai e faz, não se espera Janeiro ou segunda...mas que seja!
Para lembrar dos meses foi uma tarefa estranha e difícil. Pq os dias, semanas, meses e anos passam voando...num momento sou eu com 16 terminando colégio e no outro sou eu com 25 anos e no mesmo ponto. Tenho diário mas escrevo quando sinto vontade....talvez esse novo ano me obrigue a sempre escolher algo para anotar em cada mês. É triste não se lembrar de como foram os dias, por mais vazio que tenham sidos.

Amooo todas, tentarei estar mais presente do que fui esse ano.Preciso.
Beijos
Quando acabar essa bagunça de festa e todo mundo voltar a trabalhar e eu ficar mais sossegada aqui em casa respondo cartas/emails/e comentários.
beijos e se cuidem.
SAAAAAAAAAAAAAUDAAAAAAAAAAAAAAAAAADES


"Eu sou sua cabeça, seu coração e sua alma. A dor da fome, que você finge não sentir, sou eu dentro de você!”

3 comentários:

Gardênia Azul disse...

Finalmente... Consegui comentar! =)
.
Se 2008 foi um ano assim, nada agradável e cheio de pensamentos pesados.... Que façamos outros esforços para que 2009 venha cheio de vitórias para nós.

Saudades de ti, bruxinha.

Beijo no coração.

Srtª Vihh disse...

Oi,miGa!
tua retrospectiva não foi lá uma coisa boa de se lembra, não???
^^' mas fico feliz que você consiga superar tudo isso e erguer a cabeça!
controle e força!
bjOoo ;]

Ácido Sulfúrico disse...

Vim ver como estavas.Sabe mesmo de longe gosto de saber que as pessoas ainda estão funcionando e caminhando ainda que eu não tenha muito a dizer.
Me lembro do teu antigo blog.
Me lembro de você e vejo alguém que tem tudo para vencer.
Você esqueceu de por dezenas de coisas boas aí.Inclusive do fato de você ter resistido bravamente a uma feijoada cheiaaa de carne e coisas que você resolveu que não iria comer.
Tem mais coisa.Eu não lembro de tudo.
Lembro de você ter vencido o pânico algumas vezes.De ter batalhado por um emprego.
Coisas pequenas que vão além da dieta.Do externo.
Pense nisso
Beijos